01 fevereiro 2018

Seja eu uma Flor

Pouco importa o que pensas
Se a tua alma recompensa...
Pouco importa o que dizes...
Se ainda me fazes feliz!...
Serei tua deusa...eu sei!
O destino a sorte contenha...
Não me deixes há mercê
nem a liberdade presa.
Seja eu flor na lapela
Do casaco do meu amor...
Ou um perfume de jasmim
que combina bem por mim!!
Meu “Príncipe encantado”
um dia te namorei...
pelos encantos de um sonho!!
Ou sorriso da janela
na estação da Primavera,
no meu cavalo passeava,
meu perfume derramava...
Os teus suspiros e ais
de longe eu sentia mais,
Em meus sonhos vagueavas
no meu peito já habitavas...
Se tu pudesses amor!...
Meus segredos adivinhar
não tardarias tanto
à rendição desse encanto
à magia desse sonho
comigo fantasiar. 


3 comentários:

Maria Rodrigues disse...

Encantador, apaixonado e belo poema.
Beijinhos
Maria de
Divagar Sobre Tudo um Pouco

Maria Rodrigues disse...

Luísa, voltei pois vi o seu comentário no meu blogue e venho responder à pergunta que fez, eu trabalho em contabilidade. Faço 1 a 2 viagens por ano e gostamos de sair sempre que possível ao fim de semana. Como tiro imensas fotografias e gosto de partilhar o que vi vou fazendo muitos posts.
Bom fim de semana
Beijinhos
Maria de
Divagar Sobre Tudo um Pouco

Gil António disse...

Bom dia. Quando se ama tudo na vida faz sentido
.
Querendo, visite e leia o que ( mal) escrevi.
.
*Amor:- Exaltação aos desertos do mundo *
.
Votos de um Sábado feliz